Visite o site do artista

Curriculum

Curriculum sucinto

Luiz Carlos de Andrade Lima
( Curitiba / Brasil, 1933*1998 )

"A obra de Andrade Lima é proveniente do trabalho solitário, de uma personalidade que lutou pelos seus pontos de vista, principalmente por se manter fiel ao figurativo em uma época de tantos modismos em arte abstrata e conceitual.
O resultado dessa tenacidade é que, a cada dia que passa, sua obra não só se valoriza, como serve de exemplo aos artistas mais jovens que, paradoxalmente, estão pintando e revitalizando o figurativo”.

Andrade Lima teve os seus primeiros contatos com a pintura por volta dos oito anos de idade. Cursou a Faculdade de Belas Artes do Paraná, firmando-se como artista figurativo expressionista, corrente a qual não mais abandonaria. Pintou os mais diversos temas, com ênfase para os religiosos e os sociais. São figuras do povo, gente simples das ruas e praças, figuras de Cristo, de São Francisco, dos bares e das mulheres da noite, todos, sempre, em harmoniosa convivência.

Foi pintor, professor, desenhista, gravador, escultor, ilustrador e poeta. Como artista plástico, foi quem mais captou a alma da sua cidade. Autor da "Via Sacra" da Ordem Terceira de São Francisco das Chagas, em Curitiba, com quinze quadros, sendo que o último, representando a Ressurreição de Cristo, encontra-se desaparecido.

Em 1980, funda a "Andrade Lima Galeria e Escola de Arte", pela qual passaram centenas de alunos e foram lançados inúmeros novos talentos. Ao longo da carreira, Andrade Lima realizou mais de 20 mostras individuais, sempre exibindo obras inéditas.
Com uma trajetória brilhante na arte paranaense, conquistou dezenas de prêmios.

Agraciado, em 1993, com o Prêmio "Cidade de Curitiba 300 Anos – Melhor Pintor", no ano seguinte foi homenageado pelo Governo do Estado como "Cidadão Benemérito do Paraná", em agradecimento à sua obra como artista e mestre, hoje reconhecida, mas, que a posteridade enaltecerá como a de um dos artistas mais importantes que o Paraná produziu para a Humanidade.


Andrade Lima

Em 2013, recebe homenagem póstuma, como
Membre D'Onneur da "Divine Acadèmie Française des Letttres,
Arts e Culture" em Paris.